Social Icons

27 de out de 2016

Marketing ou Qualidade? Melhor os 2, não?


Olá pessoal,

     Antes de falar sobre o assunto principal deste artigo, quero ressaltar que ele não é um artigo técnico, como sempre costumo escrever. Relutei em escrevê-lo, pois de modo algum quero que a mensagem ofenda alguém, porém, eu não poderia me opor à minha vontade e liberdade de expressão, por isso... esta aí o artigo! Ele foi escrito para provocar reflexões, por causa de uma série de coisas que estou vendo acontecer nos últimos anos.

     No final do mês passado (09/2016) terminei mais uma turma do treinamento PL/SQL Essentials and Tuning,  e nela ocorreu um fato muito curioso: uma aluna informou estar fazendo novamente um curso de PL/SQL, pois participou de um curso em videoaulas similar e não conseguiu aprender com a didática do primeiro instrutor (por questões éticas e para evitar qualquer tipo de conflito não irei citar nomes). Ao terminar o curso, bati um papo com ela (para obter um feedback) e fiquei contente dela ter informado que estava supersatisfeita, pois adorou o conteúdo e a minha didática. Para completar esse meu contentamento, ontem ela comentou comigo, que no ano que vem ela vai adquirir também, o meu treinamento em videoaulas Administrando Bancos de Dados Oracle.

     Por que escrevi isso que você leu no parágrafo acima? Para fazer marketing pessoal? Também, mas não apenas isso. É óbvio que preciso fazer propaganda dos meus treinamentos para poder vendê-los, porém ressalto que tento fazer isso sem incomodar os meus contatos nas redes sociais e mailing! Normalmente antes de divulgar algum produto ou serviço, eu divulgo artigos que escrevi, cursos gratuitos ou qualquer outra coisa que transmita algum conhecimento, ou seja, antes de tentar vender algo, eu procuro compartilhar conhecimentos, fazendo algo útil para os profissionais da área de TI. Meu objetivo é também fazer com que estes profissionais só adquiram algum treinamento meu, depois de terem lido (e gostado) algo que eu escrevi ou compartilhei! Dessa forma, dificilmente alguém irá se arrepender depois, e isso realmente não tem ocorrido!

   Se meu único objetivo não é fazer marketing, afinal, por qual motivo mais estou escrevendo sobre este assunto? O motivo principal é alertar aqueles que normalmente são leitores deste blog e que são leigos no assunto "Marketing Digital", a terem cuidado na hora de adquirir qualquer tipo de serviço ou produto. O "Marketing Digital" é uma nova forma de fazer marketing por meios digitais, composta por uma série de técnicas e processos que um Empreendedor qualquer pode aplicar para ganhar visibilidade no mercado, e desse modo, conseguir vender seus produtos ou serviços. Eu utilizo algumas dessas técnicas, porém, o que tenho visto ultimamente é que muitos "Empreendedores digitais" estão conseguindo vender produtos ou serviços ruins, fazendo apenas o bom uso do marketing digital! Sorte deles, azar o seu! Através de uma "embalagem" super-moderna ou promessas incríveis de segredos nunca revelados, e sensacionalistas de que farão sua vida mudar, eles misturam marketing e neurociência, conseguindo deste modo, muitas vezes, vender água com preço de vinho, ou refrigereco (com preço baixo e qualidade ainda não comprovada), como se fosse o melhor refrigerante do mundo (que ao meu ver, é a Coca-cola). CUIDADO! Avalie muito bem o que você vai comprar... já analisei muito disso tudo no mundo do marketing digital e vejo que muitas dessas propagandas que ocorrem por mailing são bem superficiais! Existem, é claro, os bons marketeiros digitais que tem bons produtos, como por exemplo (ao meu ver), o Bruno Ávila (veja os vídeos: O verdadeiro marketing digital que eu acredito e A Palestra Censurada sobre Marketing Digital), mas existem também muitos "marketeiros digitais" que não tem bons produtos ou serviços, e que apenas mandam aquelas mensagens longas e sensacionalistas, seguindo ou copiando algo que lhe mandaram fazer.

     Existem por aí um monte de gurus do marketing digital que te ajudam a alavancar suas vendas cobrando em média 50% do que você vende! Recentemente procurei ajuda de um desses gurus e confesso que aprendi algumas coisas boas, mas rapidamente preferi romper a parceira. Não gostei de seguir aquelas "receitas de bolo" que os gurus propõem, mandando várias sequências de e-mails com um monte de blá-blá-blá prometendo revelar segredos jamais revelados pela humanidade, ou com promessas cheias de subjetividade e superficialidade. Além do mais, me dava um trabalhão corrigir os erros de português dos textos que ele criava. Percebi que a essência do marketing digital eu já fazia, então eu não precisava tentar aumentar minhas vendas e dividir tudo com ele, dizendo coisas que não faziam parte do meu vocabulário natural, e que me incomodavam muito quando eu era o receptor daquele tipo de mensagem. Percebi que eu tinha que continuar sendo eu mesmo, e não mais um "marketeiro digital" que copia "receitas de bolo" (como diz o Bruno Ávila em seu vídeo A Palestra Censurada sobre Marketing Digital)!



     Marketing é sim muito importante! Sem marketing como é que alguém saberá que você tem um bom produto ou serviço a oferecer? Sem marketing como é que a Coca-Cola ou Oracle teriam vendido tanto e estariam entre as maiores empresas do mundo? O bom Marketing é a chave do sucesso! O que eu quero ressaltar aqui, porém, é que atualmente com o uso das técnicas de "Marketing Digital", existe uma facilidade enorme para que as pessoas e empresas divulguem seus produtos e serviços pela internet, e com isso, o bom marketeiro (ou profissional que seja bem assessorado nesta atividade) certamente conseguirá efetuar boas vendas, e aí mora o perigo para você, CONSUMIDOR! Tem muita gente comprando produtos sem valor ou com baixa qualidade, porque se iludem com a propaganda e não param para avaliar o que realmente importa, o conteúdo e qualidade do produto! CUIDADO, avalie muito bem o que você irá comprar. Se você for comprar um curso, por exemplo, pesquise muito bem sobre o instrutor, o seu histórico profissional, veja as suas qualificações, indicações reais de pessoas, e principalmente pesquise sobre a sua didática. Não importa que software você irá usar ou que brindes você irá ganhar, você só conseguirá aprender bem, se o instrutor tiver um bom conteúdo e uma boa didática! Se o instrutor não tiver uma boa didática para que você precisa dele? Ler um livro não seria muito mais barato e muito mais produtivo? Muitos profissionais tem vasto conhecimento, mas poucos tem boa didática! Se você é graduado, basta lembrar-se de quantos professores você teve na faculdade e quantos você realmente considerava bons. Eu devo ter tido uns 30, lembro de uns 10 que eram bons, mas só consigo lembrar que no máximo metade desses 10 tinham uma didática excepcional, que prendia a atenção dos alunos, fazia com eles tivessem interesse nas aulas, e realmente aprendessem o conteúdo proposto.


Por hoje é só pessoal, reflitam!
Por favor, deixe o seu comentário para que eu saiba o que você também pensa sobre este assunto!
Um grande abraço e até a próxima!
      

6 comentários:

  1. É vdd Fábio,tem muita gente por ai que só quer ganhar...Parabéns porque vc não precisa de "Marketing Digital" para mostrar a sua competência.Louvado seja o nome do Senhor por sua vida,pois vc consegue passar a luz do Espirito Santo que brilha em vc aos seus alunos(seja na didática, no método de ensino..entre outros),tornando-os capacitados para o mercado de trabalho e satisfeitos com seus cursos.

    Treinamentos Fábio Prado, eu Recomendo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha aí quem resolveu escrever... a aluna citada no 2º parágrafo.

      Obrigado Van pelo comentário!
      []s

      Excluir
  2. Ótimo post Fábio! Excelente reflexão! Acho que as vezes o Marketing em excesso pode atrapalhar também. Tudo tem sua medida certa e as vezes temos que pedir um feedback das pessoas para saber se estamos seguindo na direção certa.

    Abraço.

    Luiz Vitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com seus comentários Luiz, obrigado!

      Excluir

 

Meus últimos Links Favoritos

Suporte remoto alunos

Seguidores

Meu One Drive (antigo Sky Drive)